Encontrando o ponto intermediário

Uau. Estou postando muito pouco por aqui.

Poderia dizer que quando isso acontece é das duas uma: ou estou trabalhando muito pouco, ou estou trabalhando muito.

Bem, a frase anterior é uma falsa dicotomia, pois há uma terceira razão: trabalhar com análise de negócios ágil traz muitas questões subjetivas e quanto mais subjetivas as questões, menos assertivo você pode ser e quanto menos assertivo você é no que escreve, menos utilidade prática o que você escreve tem para as pessoas, menor seu público interessado.

caminho-do-meio-ryotiras

Encontrar um ponto intermediário entre o extremamente filosófico (e talvez inútil) e o extremamente prático (e provavelmente bobão e repetitivo no estilo “como escrever estórias do usuário”) não é nada fácil. Estou com algo na manga, mas só sai semana que vem.

Agora, pensando como analista de negócios, eu deveria me perguntar: qual é o objetivo desse blog?

O próximo post será sobre algo tangível e independente da agilidade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current day month ye@r *